30 de setembro de 2016

Pessoas transformam pessoas :: os emocionantes filmes do Sesc


O curta “A Dança” veiculou o mês de setembro todo nas mídias digitais e faz parte da campanha de comemoração dos 70 anos do Sesc. Também fizeram parte desta campanha "A Vila" e a "A Praça", que rolaram em Julho e Agosto, respectivamente.

Criada para o meio digital pela agência Binder, esses três curtas mostram histórias de transformação. São lindos, mas "A Dança" é de chorar... ♥

A campanha conta ainda com mais duas ações na web: o hotsite www.sesc.70anos.com.br, no qual as pessoas vão conhecer outras histórias de transformação, além de poder contar as suas próprias. E a ação no Instagram “O Sesc que vejo”, na qual os usuários serão incentivados a revelar o seu olhar sobre o Sesc. As melhores fotos irão compor o livro comemorativo dos 70 anos da instituição.

A Praça


A Vila

19 de setembro de 2016

Florindo o blog e a casa :: mais suculentas para o meu apê

Suculentas dão mudas como se fosse capim, o que eu acho ótimo, porque sempre dá pra fazer um arranjinho novo e encher minha casa de verde. Meu vaso de São Francisco tinha um monte de brotinhos e eu resolvi aproveitá-los pra um novo projeto, temporário, já que elas vão crescer e precisar de uma acomodação maior. Mas enquanto isso não acontece, vou curtir as novas plantinhas como estão.




Plantar suculentas é muito fácil. Mesmo sem raiz, se encostarmos a muda na terra e não mexermos durante algum tempo, ela vai enraizar. Não requer muitos cuidados, não pode ser regada constantemente e não precisa de abudos especiais. Para montar um arranjinho desse, só terra molhada (e depois deixar sem rega por uma semana mais ou menos) e as mudinhas. O sucesso do arranjo vai depender do lugar onde ele vai ficar, na casa. Suculentas precisam de muita luz e sol. Quando quero deixar um vaso de suculentas dentro de casa, escolho um lugar que receba boa iluminação, e mesmo assim, de tempo sem tempos, coloco o vaso no sol para fortalecer as mudas. 

Com suculentas, nem dá pra usar a desculpa de não ter verde em casa porque não tem tempo de cuidar... Elas é que cuidam da gente. ♥


Mulherzice: sobremesa feita em 20 minutos

Na verdade, o tempo que o flan de coco leva pra ficar pronto é mais ou menos 4 horas, mas prepará-lo, de fato, me custou só 20 minutos. O resto a geladeira faz.


Usei 1 envelope de gelatina em pó sem sabor, 1 lata de creme de leite, 1 lata de leite condensado e 1 vidro de leite de coco.

Juntei à gelatina 5 colheres (sopa) de água fria e levei ao fogo, em banho-maria, para dissolver. Bati no liquidificador o creme de leite com o leite condensado, o leite de coco e a gelatina dissolvida. Só isso!

Levei à geladeira por 4 horas e depois servi em taças individuais, mas pode ser enformado também. Para isso, a forma precisa estar molhada, o que facilitará desenformar o flan quando estiver pronto.

Para acompanhar, fiz uma calda de redução de vinho tinto com açúçar e canela em pau. É só misturar tudo e deixar ferver até virar um caldo viscoso. É preciso que a calda esfrie para poder servir, porque colocá-la quente sobre o flan vai fazer com que ele derreta.