11 de janeiro de 2016

Calhetas :: uma tela pintada por Deus


É muito difícil duvidar da existência de um ser supremo num lugar onde a natureza tira o fôlego. E então o ano ruim fica pra trás... A dores da alma causadas por perdas irreparáveis, por preocupações legítimas, por saudades devastadoras, por dúvidas corrosivas, ficam pra trás... as dores físicas causadas pela idade que chega, ficam pra trás...

Dias de sol, gente de bem e feliz, boa música e uma dúzia ou duas de passarinhos voando em volta pra provar que isso tudo não é uma pintura.

E a gente se encontra com Deus!

















  








Chá artesanal :: produzindo meus próprios presentes de natal


Para algumas pessoas costumo fazer meus próprios presentes de natal. São, na verdade, pequenas lembranças, mas eu imprimo tanto carinho que fazê-las se torna um evento grande e é mais presente pra mim do que pra elas.

Em 2014, fiz caderninhos de receitas e em 2013, garrafinhas de licor. Ano passado fiz sachês de chá, cujas ervas selecionei depois de ter visto um programa de TV sobre o poder desse matagal todo. 

Escolhi misturar as ervas indicadas na receita do "chá da alegria", que promete ser poderoso contra os dias ruins. Contém alecrim, tomilho, sálvia, hortelã, camomila, endro, chá verde, erva doce, canela e semente de mostarda. 

 


Na caixinha com 10 saquinhos (2 deles eram de chá de hibisco), ainda coloquei pau de canela e envelopinhos com mel, além de cartões contendo informações sobre ervas medicinais em geral. Para o acabamento dos sachês, escolhi colocar uma pedrinha de cristal e a tag com o nome do blog.

Dizem - inclusive os médicos - que o alecrim é um poderoso aliado no combate à depressão. Do latim rosmarinus, significa “orvalho do mar”. E, se perfuma nossas mãos, ele também alegra os nossos corações e é o principal ingrediente desse chá. 


Adorei o mimo que fiz nesse natal, e espero que meus amores, a quem presenteei com tanto carinho, também tenham gostado.