8 de setembro de 2014

Durma com um barulho desses


Moro em um dos bairros mais tranquilos da minha cidade, na minha opinião. As ruas são planas, o loteamento é um dos primeiros aprovados no município, quando Osasco ainda não era muito povoada e podia dispor de terrenos enormes (a maioria dos lotes do bairro tem 500m2), a vizinhança é muito antiga, tradicional e amistosa. 

As ruas são retinhas, não há desníveis no bairro. Tem uma grande praça central e vias largas onde trafegam, em sua maioria, somente moradores mesmo, porque não é um bairro de ligação entre outros, apesar de ser muitíssimo perto do acesso à marginal Pinheiros.

Do meu apartamento, não se ouve quase nada: algumas crianças brincando no condomínio, o barulho da fonte que alimenta a piscina, e o trem, cuja linha férrea está localizada bem ao lado do prédio. De tão tranquilo, é até monótono, e é uma delícia viver em lugar assim no meio da região metropolitana de São Paulo.

Só que o Sabiá Laranjeira também achou uma delícia viver por ali e agora, desde o finalzinho do mês passado, dá o ar de sua graça - literalmente - todas as madrugadas. Os 75 decibéis de seu canto podem ser ouvidos há 5 metros de distância, mas esse, que é meu vizinho, canta tão alto que acho que está morando na árvore do próprio condomínio.

Quem dorme? Ninguém... Mas o passarinho, de apenas 80g e 20cm, divide opiniões, inclusive a minha. Nas noites mais intolerantes, chega a irritar, mas aí a gente pensa em todo o barulho que ouve durante o dia, de buzinas, motores, teclados de computador sendo digitados, telefones celulares tocando sem parar e toda a gente falando pelos cotovelos, e parece injusto estressar por causa da majestade, o Sabiá.

Então eu me conformo e comprei protetores auriculares, pra que o pássaro possa cantar sua cantiga do acasalamento em paz. Cada um luta com as armas que tem... hehehe...

Espero que São Francisco de Assis resolva essa parada do namorico do sabiá rapidinho, se não essa festa vai até janeiro!

Ah, e pra constar, diz uma lenda indígena que quando uma pessoa ouve o canto do sabiá laranjeira, na madrugada, no início da primavera, ela será abençoada com amor, felicidade e paz. Mas, e quando a gente ouve a primavera inteira?   :)

2 comentários:

  1. rsrsrsrsrsrs...tem uma amiga nossa que está com o mesmo problema...mas ela já tem uma solução, comprar um estilingue...pensa no desastre, rsrsrsrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Minha solução foi menos cruel: comprei protetores de ouvido. Tem funcionado...
      Deixa o passarinho acasalar, tadinho!

      Excluir

Obrigada pela visita!

Após escrever seu comentário, clique em "comentar como". Vai aparecer uma lista de opções e se você não for usuário de nenhuma delas, clique em "nome/URL". Apenas escreva seu nome. O campo URL é opcional, e nele é preenchido o endereço do seu blog ou site, caso tenha.

Depois é só clicar em "continuar" e em "publicar" (às vezes o sistema pede pra você provar que não é um robô, daí é só clicar no quadradinho, tá?).

Vou adorar ler o que tem para compartilhar comigo... :)