3 de julho de 2014

O fim da TV no quarto :: tchau insônia !



Há mais ou menos 2 anos e meio fui diagnostica com depressão e síndrome do pânico, mas os sintomas começaram uns seis meses antes do diagnóstico. Sendo assim, há mais ou menos 3 anos sofro, entre outros males, de uma insônia que as vezes me deixa 2 ou 3 noites sem pregar os olhos (agora com muito menos frequência, graças a Deus!)

Apesar de ainda ter que tomar o medicamento (e talvez por muito tempo, para controle), meu quadro geral é excelente e eu senti uma melhora muitíssimo significativa de 1 ano e meio pra cá. O único sintoma que ainda persistia era a maldita insônia.

Há algumas semanas, li uma matéria sobre o prejuízo que o uso de celular, tablets, computador e TV causa quando é feito pouco antes de dormir. Claro, já tinha ouvido muita coisa a respeito, mas achava que a TV ligada prejudicava o sono por causa do cérebro que fica ligado e da distração em geral. Mas essa matéria lida recentemente trouxe uma nova informação pra mim: TV, bem como outros aparelhos que emitem luz, causa insônia exatamente porque é no escuro que produzimos a melatonina, hormônio que provoca sono. Diante de luz o corpo não fabrica o hormônio e entende que ainda é dia. Quando fica escuro, ainda demora umas duas horas para a produção de melatonina iniciar. Ou seja, a questão, nesse caso, é hormonal.

Não dei muita bola, e continuei com a companhia da TV pelas madrugadas, sempre de um lado pro outro na cama, acordada. Aí, por conta da mudança de casa, não tenho mais TV no quarto (era pra ser provisório, mas agora estou revendo isso). De uns dez dias pra cá notei que mal me lembro de ter me deitado, porque pego no sono imediatamente. Coincidência? Pode ser, mas passei a dar mais bola para a questão e pretendo continuar experimentando a boa sensação de não ter que fritar igual sardinha na cama por horas, antes de dormir. 

Pra quem sofre do mesmo mal, vale a pena tentar!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita!

Após escrever seu comentário, clique em "comentar como". Vai aparecer uma lista de opções e se você não for usuário de nenhuma delas, clique em "nome/URL". Apenas escreva seu nome. O campo URL é opcional, e nele é preenchido o endereço do seu blog ou site, caso tenha.

Depois é só clicar em "continuar" e em "publicar" (às vezes o sistema pede pra você provar que não é um robô, daí é só clicar no quadradinho, tá?).

Vou adorar ler o que tem para compartilhar comigo... :)