4 de junho de 2013

SP na contramão da cultura

O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, sancionou lei que regulamenta a atuação de artista de rua na cidade. Mímicos, músicos, dançarinos, poetas, artistas plásticos e circenses vão poder se apresentar em ruas, parques e praças públicas da capital paulista, desde que respeitem o limite de horário, estabelecido pela lei até às 22 horas. 

22 horas... isso em São Paulo...

Bom, vamos lá... De acordo com o texto da lei, o objetivo de taxar esse horário é o de preservar o sossego público e impedir que os artistas façam "barulho" depois das 10 da noite.

Vem cá prefeito, me conta uma coisa... Barulho de tiro, pode?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita!

Após escrever seu comentário, clique em "comentar como". Vai aparecer uma lista de opções e se você não for usuário de nenhuma delas, clique em "nome/URL". Apenas escreva seu nome. O campo URL é opcional, e nele é preenchido o endereço do seu blog ou site, caso tenha.

Depois é só clicar em "continuar" e em "publicar" (às vezes o sistema pede pra você provar que não é um robô, daí é só clicar no quadradinho, tá?).

Vou adorar ler o que tem para compartilhar comigo... :)