15 de maio de 2013

Hoje tem "saiaço" na USP

Estudantes de 5 campi da Universidade de São Paulo estão se organizando para promover um "saiaço", às 18 horas de hoje. A ação é, primeiramente, em solidariedade ao aluno Vitor Pereira, que sofreu ofensas por ter ido de saia à aula do curso de Têxtil & Moda, que frequenta na universidade.


Ao perceber que o manifesto estava crescendo, Vitor ganhou apoio do colega Augusto Paz, lado direito, na foto.

Eu particularmente gosto. Prefiro um homem de saia à um homem de sunga, inclusive. E parabenizo a iniciativa, tanto dos meninos, quanto dos colegas, que não se mostraram ativistas de sofá e vão pôr pernas de fora hoje.

Vestimenta tipicamente feminina? E daí? Pode deixar de ser, assim como o cabelo comprido e os brincos também deixaram, há décadas. Ah, e só pra constar: alguém fica chocado com uma menina de gravata?

Ô gentinha...

2 comentários:

  1. Tudo bem...chocar dentro do parâmetro "opção sexual", é claro que não choca. E acho que eles podem mesmo, como elas, usar saia.. o que , convenhamos, é mais confortável e fresco para este nosso país tropical. Mas confesso que visualmente me parece estranho, como um costume de uma outra cultura, só isso. Tipo os escoceses ou os marroquinos e muçulmanos de toda sorte com seus vestidos longos... Se eu vir um menino assim na rua, vou esperar dele, no mínimo, sotaque...rsrsrs. Mas acho que a gente se acostuma

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah Eli... eu penso que talvez tenha sido assim tb com o cabelo comprido, e com os brincos... hoje ninguém acha anormal...

      Saia pra eles! rsrsrs... eu curto!

      Excluir

Obrigada pela visita!

Após escrever seu comentário, clique em "comentar como". Vai aparecer uma lista de opções e se você não for usuário de nenhuma delas, clique em "nome/URL". Apenas escreva seu nome. O campo URL é opcional, e nele é preenchido o endereço do seu blog ou site, caso tenha.

Depois é só clicar em "continuar" e em "publicar" (às vezes o sistema pede pra você provar que não é um robô, daí é só clicar no quadradinho, tá?).

Vou adorar ler o que tem para compartilhar comigo... :)