29 de abril de 2013

Ronda por outros ares...

Hoje de manhãzinha, quando recebi uma mensagem no celular dizendo que Paulo Vanzolini havia morrido, apenas respondi que era necessário considerar o privilégio de já ter estado com ele...

Sem dúvida é um privilégio, sim, mas naquela hora não pensei muito nisso.

No bar do Alemão, ao meu ladinho...
Agora, pensando no dia em que estive com ele é que me dou conta de quanta sorte eu tive, e de quão especial foi aquele momento. Um dos ícones do samba paulistano, criou clássicos como "Ronda", "Volta por Cima" e "Praça Clóvis", interpretados por grandes nomes da MPB, como Chico Buarque, Maria Bethânia e Paulinho da Viola.

Ouço "Ronda" desde que eu era bem pequenininha, por influência do meu pai. Conheci o cara a quem meu pai é devoto às letras, sem mesmo saber quem ele é... Ele (o pai) já ouvia "Ronda" antes de eu nascer. Aliás, pessoas já a ouviam antes mesmo de ele nascer. E, apesar dessa devoção, Paulo Vanzolini morreu anônimo para o meu pai... mas não para mim!

Depois de ter pensado nisso, me senti tão feliz quanto miserável... Foi só aí que me dei conta da grande perda!


Vanzolini compunha nas horas vagas do trabalho como zoólogo de renome internacional especializado em répteis. Com doutorado em Harvard, foi por três décadas diretor do Museu de Zoologia da USP, onde trabalhou por mais de 50 anos.

"Não tenho carreira de compositor. Música, para mim, é um hobby. Trabalho 15 horas por dia como zoólogo, adoro minha profissão. Não sei cantar, nem sei a diferença entre o tom maior e o menor", disse, em 1997, em entrevista à Folha.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita!

Após escrever seu comentário, clique em "comentar como". Vai aparecer uma lista de opções e se você não for usuário de nenhuma delas, clique em "nome/URL". Apenas escreva seu nome. O campo URL é opcional, e nele é preenchido o endereço do seu blog ou site, caso tenha.

Depois é só clicar em "continuar" e em "publicar" (às vezes o sistema pede pra você provar que não é um robô, daí é só clicar no quadradinho, tá?).

Vou adorar ler o que tem para compartilhar comigo... :)