21 de março de 2013

Até os bonecos amam

A frase "Barbie, que pode ser de plástico, mas nosso amor é real" ficou estampada, em 2001, em telões nas cidades de Nova York e Los Angeles, como parte da campanha da indústria de brinquedos Mattel para reinserir o boneco Ken no mercado. 

Para os exemplares de "Homem-Ossanha", aquele, sabe, que diz que vai e não vai, tá aí uma modalidade de amor que serve. É pro tipo de gente que, de tão descompromissado que é, prefere a companhia das mulheres de borracha...(elas não falam, não enchem o saco e não choram, mas também não fazem várias outras coisas! rsrs)

Olha o boneco Ken dando exemplo... Se bem que a reputação do Ken, no quesito masculinidade, sempre foi duvidosa, né? Ele usa lencinho no pescoço...

Mas viva o amor!


Será que a reconciliação do casal chegou a despentear esse cabelinho do Ken??? hehehe...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita!

Após escrever seu comentário, clique em "comentar como". Vai aparecer uma lista de opções e se você não for usuário de nenhuma delas, clique em "nome/URL". Apenas escreva seu nome. O campo URL é opcional, e nele é preenchido o endereço do seu blog ou site, caso tenha.

Depois é só clicar em "continuar" e em "publicar" (às vezes o sistema pede pra você provar que não é um robô, daí é só clicar no quadradinho, tá?).

Vou adorar ler o que tem para compartilhar comigo... :)