8 de outubro de 2012

O passo despretencioso dos Beatles

No último sábado, "Love me do" completou 50 anos desde a data de seu lançamento. Apesar de a bandinha engomadinha, de cabelo estranho, só fazer sucesso 2 anos depois, oficialmente os Beatles cantaram aos presentes do Cavern Club a despretenciosa canção rabiscaba por Paul McCartney, e depois terminada por Lennon, em 1962.

                                      

Em Liverpool, o mesmo pub em que os garotos lançaram sua primeira música ofereceu um fim de semana bem atrativo. De carona, a EMI lança, em novembro (dia 13), o vinil da nova remasterização dos álbuns dos Beatles, de 2009. 

Para mim, os Beatles começaram com Yesterday. Acho que começa mais ou menos assim para todo mundo da minha geração que, ainda bem nas fraldas já ouve os singles mais evidentes, e depois vai se embrenhando pelo caminho da banda a fim de conhecer um tiquinho mais. Então, descobre que a bandinha estranha precisa... deve...  necessita... ser referência a todo aspirante a astro. E descobre também que, junto com Yesterday, vem todo o conjunto da obra.

O fato é que não dá para negar que o som da gaitinha vinha para mudar o rock'n roll bem além das fronteiras inglesas. E para quantas gerações ainda?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita!

Após escrever seu comentário, clique em "comentar como". Vai aparecer uma lista de opções e se você não for usuário de nenhuma delas, clique em "nome/URL". Apenas escreva seu nome. O campo URL é opcional, e nele é preenchido o endereço do seu blog ou site, caso tenha.

Depois é só clicar em "continuar" e em "publicar" (às vezes o sistema pede pra você provar que não é um robô, daí é só clicar no quadradinho, tá?).

Vou adorar ler o que tem para compartilhar comigo... :)