24 de setembro de 2012

Matrioskas



Tenho a sensação de estar sendo observado
Com absurda dificuldade abro os olhos pesados de areia
Fitam-me, com uma vontade imensa de proferir intraduzíveis palavras desnecessárias
Respondo com um sorriso envergonhado de entendimento
Fecho, com facilidade e recusa, os olhos pesados de areia
Continuo com a sensação de estar sendo observado


* O texto que acompanha a foto me foi feito de presente, e eu não me canso de ler.
Bom, o presente não foi pra mim, foi pras minhas bonecas tatuadas, e eu não me canso de ler pra elas...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita!

Após escrever seu comentário, clique em "comentar como". Vai aparecer uma lista de opções e se você não for usuário de nenhuma delas, clique em "nome/URL". Apenas escreva seu nome. O campo URL é opcional, e nele é preenchido o endereço do seu blog ou site, caso tenha.

Depois é só clicar em "continuar" e em "publicar" (às vezes o sistema pede pra você provar que não é um robô, daí é só clicar no quadradinho, tá?).

Vou adorar ler o que tem para compartilhar comigo... :)