24 de setembro de 2012

Pouca carne pra muito dente

"Dona das divinas tetas...
Derrama o leite bom na minha cara,
e o leite mal na cara dos caretas"
Caetano Veloso








Ainda que eu não fosse Jornalista, pensaria até que ponto as pessoas podem chegar em nome da liberdade de expressão, bandeira levantada nos anos 60 e que permanece em riste até hoje, tremulando mais do que nunca quando vemos, por exemplo, as obviedades da imprensa sensacionalista ou fora de propósito serem veiculadas sem o menor respeito aos reles leitores.

Fora de propósito, por exemplo, é a exploração das imagens dos seios da duquesa Kate Middleton (que vamos combinar, estão acendendo muita vela pra pouco defunto, mas enfim...). Primeiro porque não me parece que o "fotógrafo" (ou voyer) em si estivesse procurando a reportagem do século, escondido atrás da moita há 800 metros de onde ela e o príncipe estavam tomando seu solzinho na laje nossa de cada dia.

Depois, porque liberdade tem limite, e a de expressão não pode fugir a esta regra. Óbvio que a moça deve saber que é figura pública, que tem o agravante de pertencer à imaculada família real britânica, e todo o blá blá blá que a cerca, mas convenhamos que ela também não fez nada demais. Nada que qualquer mulher não faria, dentro de uma propriedade privada, afastada no meio do nada e na companhia do marido.

Não bastasse as fotos terem sido publicadas, há duas semanas os seios da menina continuam na berlinda. Ontem, por exemplo, nos jornalísticos dominicais de fim de noite, uma reportagem sobre o assunto durou quase meia hora. E isso para seios que vestem 38, no máximo 40...

Ah, e só para constar, acho muito mais chocante ela aparecer em público com esse chapéu do que com os seios de fora!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela visita!

Após escrever seu comentário, clique em "comentar como". Vai aparecer uma lista de opções e se você não for usuário de nenhuma delas, clique em "nome/URL". Apenas escreva seu nome. O campo URL é opcional, e nele é preenchido o endereço do seu blog ou site, caso tenha.

Depois é só clicar em "continuar" e em "publicar" (às vezes o sistema pede pra você provar que não é um robô, daí é só clicar no quadradinho, tá?).

Vou adorar ler o que tem para compartilhar comigo... :)